Conheça as principais vantagens do Linux para programadores

Sem dúvidas, você já deve ter ouvido sobre a discussão Linux versus outros sistemas operacionais, não é? 

Existe quem defenda o Linux com unhas e dentes e quem não saiba exatamente qual o seu diferencial. 

Para descobrir tudo sobre esse tema, basta analisar o comparativo que acrescentamos neste artigo, sobre Linux e Windows e seus principais diferenciais. 

Selecionamos também as principais vantagens e motivos para aprender linux e se destacar no mercado de trabalho. Basta continuar a leitura e conferir. Acompanhe!

6 principais benefícios do Linux

O Linux apresenta 6 principais benefícios, que o diferenciam de qualquer outro sistema operacional e o tornam vantajoso para qualquer usuário, especialmente para programadores.

Todos eles podem ser estudados individualmente, já que são completos e oferecem os cenários ideais para quem trabalha com TI e precisa de mais recursos e otimização. 

1. Segurança

A primeira das vantagens do Linux não poderia ser outra: a segurança. Com o Linux, é possível usufruir de um sistema seguro e manter o sigilo dos seus projetos. 

Afinal, ao compararmos o Linux com o Windows, o Linux sai em disparada quando o assunto é segurança. Basta analisar a quantidade de ataques que cada sistema sofre. 

O Windows é muito mais suscetível a ataques e invasões de hackers e bandidos virtuais, sendo necessário até mesmo baixar sistemas de antivírus. 

Em contrapartida, o Linux não exige nenhum tipo de antivírus, já que é naturalmente mais seguro. Claro que ele não é blindado contra ataques, mas é mais seguro que os “concorrentes”. 

2. Código aberto (open source)

Ter código aberto ou “open source” facilita muito a rotina dos profissionais que trabalham com TI, como os programadores.

A vantagem de poder analisar o código fonte e alterá-lo, caso seja necessário, é uma grande aliada de todos os profissionais, permitindo a personalização.

3. Atualizações de software

Justamente por ser um sistema de código aberto, o Linux passa por melhorias e atualizações constantemente, sempre com o objetivo de resolver problemas e atender a demandas. 

Por isso, as distribuições, ou distros, que são desenvolvidas sempre passam por atualizações também, acompanhando o sistema operacional. 

Isso faz com que novas funcionalidades sempre sejam implementadas, facilitando a rotina dos usuários Linux, especialmente daqueles que usam o sistema operacional (SO) para trabalhar. 

4. Opções de personalização

A vantagem do código aberto causa um “efeito cascata” em todas as outras vantagens e funcionalidades. 

Uma delas é a possibilidade de personalizar seu sistema operacional conforme as suas necessidades e demandas. 

Assim, softwares que você não acha úteis podem ser excluídos, bem como linhas de código que não façam sentido para a sua utilização. 

Tudo isso faz com que você tenha em mãos um sistema com “a sua cara”, sem ter medo de mexer, alterar ou remover itens dele. 

Lembre-se que isso não seria possível em nenhum outro sistema operacional — apenas o Linux disponibiliza esse recurso tão útil e intenso. 

5. Estabilidade

A estabilidade é outro grande benefício do Linux, já que o sistema raramente apresenta problemas, lentidão ou travamento. 

Isso faz com que seja desnecessária a reinicialização do sistema a cada alteração, como a cada instalação ou desinstalação de softwares e aplicativos. 

Ao mesmo tempo, é muito melhor trabalhar com um sistema operacional assim: suas chances de perder documentos importantes ou não salvar alguma alteração depois de uma reinicialização são medíocres. 

Dessa forma, você pode realizar o seu trabalho de modo muito mais rápido, seguro e estável, sem contar com imprevisibilidades e travamentos para atrapalhar e atrasar sua agenda. 

6. Instalação simplificada

Por fim, um benefício incrível é a possibilidade de instalar o Linux sem burocracias, dificuldades ou entraves durante o processo. 

Isso acontece porque o Linux é gratuito e pode ser baixado por qualquer pessoa, sem precisar de licenças, mensalidades ou taxas de uso. 

Você pode encontrar o sistema gratuito para baixar pela internet e, caso fique com dúvidas, basta pesquisar rapidamente até encontrar uma das inúmeras comunidades de suporte que o Linux oferece. 

Outro ponto interessante é a possibilidade de instalar o sistema operacional em qualquer hardware, mesmo os mais antigos. 

Assim, além de aproveitar o computador antigo, você também economiza e colabora com o meio ambiente, com um descarte a menos de objetos eletrônicos. 

Linux vs Windows: comparativo entre os sistemas operacionais

vantagens-do-linux-e-windows Conheça as principais vantagens do Linux para programadores
Foto: Freepik | Vantagens do Linux comparado ao Windows. 

Apesar de o Linux se destacar em muitos aspectos, não é possível afirmar que ele é o melhor sistema operacional do universo. 

Afinal, ao escolher um SO, é preciso considerar quais são suas necessidades e objetivos com ele. Somente assim é possível tomar a melhor decisão. 

Então, antes mesmo de considerar o comparativo entre os sistemas, dê atenção a quais são suas necessidades… você: 

  • está economizando e não pode gastar com a licença de um sistema operacional?
  • usa o sistema operacional diretamente para trabalhar? 
  • precisa utilizar diariamente softwares pesados e importantes?
  • é desenvolvedor ou programador e precisa de acesso ao código fonte?

Essas perguntas serão a “virada de chave” que você precisava para investir no sistema mais adequado para você. 

Se sua resposta a essas perguntas foi “sim”, então o Linux é a opção mais viável e interessante para você. Se não, qualquer outro disponível no mercado poderá desempenhar bem sua função. 

Confira agora essa tabela que a Certificação Linux montou para que você compare facilmente os dois sistemas operacionais:

LinuxWindows
InvestimentoNenhum, o Sistema é gratuito.Existem diversos planos, mas todos são pagos.
Tipo de licençaCódigo aberto, de licença pública.Somente quem compra tem a licença de uso do sistema.
SuporteDiversas comunidades espalhadas pelo Brasil e pelo mundo, para te ajudar gratuitamenteSuporte oficial através do site da marca e materiais didáticos sobre o tema. 
ProgramasInúmeras distribuições (distros) existem para funções semelhantes, tornando possível a personalização e escolha da que você mais gostaOs programas e softwares para o Windows são mais limitados em variedade e geralmente são oferecidos pela própria marca.
SegurançaÉ naturalmente mais seguro e quase nunca sofre ataques, dispensando antivírus e defensores. Sofre ataques e invasões com mais constância, sendo necessário instalar antivírus.

Conseguiu notar quantas são as diferenças entre Linux e Windows? Com elas em mente, basta escolher aquele que é ideal para você. 

Por que aprender Linux? Benefícios para profissionais de TI

vantagens-do-linux-para-profissionais-de-ti Conheça as principais vantagens do Linux para programadores
Foto: Freepik | Vantagens do Linux para profissionais de TI.

Aprender Linux é ainda mais interessante para os profissionais de TI, que precisam estar em constante atualização e evolução. 

Afinal, muito se tem falado sobre os programas de código aberto e até mesmo a utilização de containers em Linux e Docker para DevOps

Esses termos já são o presente da profissão e merecem sua atenção como profissional. Por isso, caso você ainda não saiba nada ou não utilize o Linux, está na hora de aprender!

Como começar a aprender Linux?

Aprender Linux pode ser um pouco diferente quando você é “nativo” de um sistema como Windows ou macOS. Mas, não é impossível! 

Basta saber onde buscar a informação correta e aplicar passo a passos simples e eficazes, sem enrolação. 

Isso você encontra aqui mesmo, na plataforma Certificação Linux! Os conteúdos gratuitos que postamos aqui no Blog já podem ser grandes divisores de águas para você que está começando.

Mas, se realmente deseja aprender a fundo sobre Linux, a melhor opção é investir em nossos cursos aqui mesmo, da Certificação Linux!

O mais recomendado para os iniciantes é o Linux Essentials, que abrange desde o zero até o avançado, com pontos como: 

  • história do Linux;
  • virtualização;
  • aplicações em Shell;
  • scripts nas linhas de comando;
  • configurações de rede em Linux;
  • segurança, permissões e gerenciamento de usuários;
  • diretórios e arquivos especiais.

Conheça agora mesmo o Curso Linux Essentials e aprenda tudo sobre Linux!