fbpx
Whatsapp (31) 3069-8315
atendimento@certificacaolinux.com.br
Criador da Web quer criar uma nova Web Descentralizada

Criador da rede mundial de computadores, Tim Berners-Lee revelou seus planos para criar uma nova web descentralizada onde os dados serão controlados pelos usuários.

Tim Berners-Lee é conhecido por criar a world wide web, ou seja, a internet que você conhece hoje. Mais de duas décadas depois, Tim está trabalhando para libertar a internet das garras dos gigantes corporativos e devolver o poder ao povo através de uma rede descentralizada.

Basicamente, o Solid é uma plataforma construída usando a web existente onde você cria ‘pods’ próprios (armazenamento de dados pessoais). Você decide onde esse pod será hospedado, quem acessará qual elemento de dados e como os dados serão compartilhados por meio desse pod. Esses Pods podem ficar em qualquer computador, e de preferência em vários, em uma rede peer-to-peer (Lembra do Napster?… pois é…)

Hoje a Internet a pesar de não ter um dono, e de estar espalhada, a Internet centralizada depende de servidores. Só que a maioria dos servidores está na mão de um punhado de empresas, como a Amazon (AWS), Microsoft (Azure), Google (Cloud), Facebook, e dentro dos Data Centers das grandes Teles.

A idéia de Berners-Lee é uma versão descentralizada dependeria de uma rede peer-to-peer construída sobre uma comunidade de usuários. Seus dispositivos conectados à Internet hospedariam a internet, não um grupo de servidores de alta potência. Cada site seria distribuído por centenas de nós em diferentes dispositivos, eliminando a possibilidade de um único servidor falhar devido a, digamos, um ataque DDoS.

A sobrecarga do governo também pode ser reduzida: um projeto que está sendo desenvolvido hoje, o Anonymouse, hospeda “microblogs” anônimos através de uma rede de telefonia móvel. Dentro dos países ameaçados por um governo autoritário, projetos como esses podem permitir que a informação seja distribuída livremente.

A tecnologia que permite isso é a mesma que impulsiona as criptomoedas: blockchain. Um protocolo blockchain é projetado para permitir transações em uma rede distribuída sem a necessidade de um intermediário supervisionando o processo. Qualquer informação pode ser observada por qualquer pessoa e é codificada de uma forma que não deixa ninguém mexer nela.

Berners-Lee acredita que o Solid

capacitará indivíduos, desenvolvedores e empresas com maneiras inteiramente novas de conceber, construir e encontrar aplicativos e serviços inovadores, confiáveis e benéficos”.

Os desenvolvedores precisam integrar o Solid em seus aplicativos e sites. Solid ainda está nos estágios iniciais, então não há aplicativos por enquanto, mas o site do projeto afirma que “a primeira onda de aplicativos Solid está sendo criada agora”.

Berners-Lee criou uma startup chamada Inrupt e tirou um período sabático do MIT para trabalhar em tempo integral no Solid e levá-lo “da visão de poucos para a realidade de muitos”.

Se você estiver interessado em Solid, saiba como criar aplicativos ou contribuir com o projeto de sua própria maneira. Naturalmente, será preciso muito esforço para construir e impulsionar a ampla adoção do Solid, de modo que cada contribuição contribua para o sucesso de uma rede descentralizada.

Um punhado de startups já está usando o blockchain para substituir certos serviços comuns da Internet: a Everipedia espera se tornar a Wikipedia no blockchain, por exemplo, enquanto a Mastodon espera se tornar o Twitter descentralizado.

Você acha que uma web descentralizada será uma realidade?

Já conhece nosso curso de Linux?

LAMP em 2 Minutos

Linux + Nginx + Mysql + PHP + PhpMyAdmin em 2 minutos

Crie um servidor Linux com servidor web Nginx, base de dados Mysql e PHP em menos de 2 minutos.

Comandos utilizados

curl -fsSL https://get.docker.com/ | sh

sudo systemctl enable docker.service

sudo systemctl start docker

curl -L “https://github.com/docker/compose/releases/download/1.9.0/docker-compose-$(uname -s)-$(uname -m)” -o /usr/local/bin/docker-compose

chmod +x /usr/local/bin/docker-compose

mkdir LEMP

cd LEMP

mkdir logs

touch logs/nginx-access.log

touch logs/nginx-error.log

mkdir mysql

mkdir nginx

mkdir html

docker-compose up -d

Arquivo docker-compose.yml

nginx:

    image: tutum/nginx

    ports:

        – “80:80”

    links:

        – phpfpm

        – mysql

    volumes:

        – ./nginx/default:/etc/nginx/sites-available/default

        – ./nginx/default:/etc/nginx/sites-enabled/default

        – /Users/uiraribeiro/Documents/learnlinux/public_html:/usr/share/nginx/html

phpfpm:

    image: php:fpm

    ports:

        – “9001:9000”

    volumes:

        – /Users/uiraribeiro/Documents/learnlinux/public_html:/usr/share/nginx/html

    links:

        – mysql

mysql:

  image: mariadb

  environment:

    MYSQL_ROOT_PASSWORD: admin

  volumes:

        – ./mysql:/var/lib/mysql

phpmyadmin:

  image: phpmyadmin/phpmyadmin

  restart: always

  links:

    – mysql

  ports:

    – 8181:80

  environment:

    MYSQL_USERNAME: admin

    MYSQL_ROOT_PASSWORD: admin

    PMA_ARBITRARY: 1

Arquivo nginx/default

server {

    listen  80;

    root /usr/share/nginx/html;

    index index.php index.html index.html;

    server_name 127.0.0.1;  # TROQUE O SEU IP AQUI

    location / {

        try_files $uri $uri/ /index.php$is_args$args;

    }

    location ~ \.php$ {

        fastcgi_split_path_info ^(.+\.php)(/.+)$;

        fastcgi_pass phpfpm:9000;

        fastcgi_index index.php;

        fastcgi_param SCRIPT_FILENAME $document_root$fastcgi_script_name;

        include fastcgi_params;

    }

}

Aprenda muito mais sobre Linux em nosso curso online. Você pode fazer a matrícula aqui com trial de 7 dias grátis. Se você já tem uma conta, pode acessar aqui.

Gostou? Compartilhe 🙂

Conheça o Docker

Entregue software de forma agil e transparente de forma ridiculamente fácil

  • Como entregar software sem dor ?
  • Como garantir que o software que roda em desenvolvimento vai rodar em produção?
  • Como criar um ambiente em desenvolvimento que tenha a infraestrutura de produção sem ”duplicar” a estrutura e os custos?
  • Como garantir que as várias camadas e peças de software funcionem bem?
  • Como garantir que sistemas complexos de web, notificações, cachê, loadbalance, banco de dados relacional, NoSQL, Redis, Memcache, Python, Php, Java e Rubi trabalhem juntos de forma simples?
  • Como acabar com a velha máxima de ‘mas aqui rodou sem problemas’?

Se você alguma vez esbarrou nestas perguntas, você precisa assistir este vídeo!

Esta apresentação tambémé está disponível no Slideshare

Aprenda muito mais sobre Linux em nosso curso online. Você pode fazer a matrícula aqui com trial de 7 dias grátis. Se você já tem uma conta, pode acessar aqui.

Gostou? Compartilhe 🙂

Open chat