Debian Linux: características, vantagens e como instalar

O Debian Linux é um sistema operacional que utiliza o kernel, ou seja, a base do sistema Linux, que é open-source. 

Se você está começando a dar os seus primeiros passos no universo Linux, começar pelo Debian pode ser a melhor opção devido à sua interface amigável e seus processos interessantes. 

Para te ajudar nisso, a equipe Certificação Linux desenvolveu este conteúdo completo, com tudo o que você precisa saber sobre o Debian. Vale a pena ler até o final e conferir. Acompanhe! 

O que é o Debian Linux? Principais características

O Debian Linux é um sistema operacional criado em 1993 por Ian Murdock, baseado no sistema Linux. 

Como tal, ele apresenta um conjunto de softwares capazes de facilitar o dia a dia do usuário, atendendo a todas as suas necessidades. 

Segundo fontes oficiais, são quase 60000 pacotes que acompanham este sistema, totalmente simples de serem instalados e configurados. 

A melhor parte é que tanto o Debian quanto todos os softwares que ele contempla são livres e gratuitos. Afinal, essa é a proposta do Linux: ser open source e acessível a todos os usuários e todos os profissionais. 

Isso também permite que o sistema seja melhorado constantemente pela comunidade que utiliza seu código-fonte. 

Um grande diferencial do Debian é o seu legado de “só estar pronto quando está pronto”, ou seja, antes de qualquer lançamento de atualizações ou modificações, elas são testadas exaustivamente, até se certificar de que não existe nenhum bug ou instabilidade. 

A preocupação com o bem-estar e satisfação do usuário final é realmente impressionante. Esse é um belo diferencial do Debian. 

Além da sua eficiência comprovada e alta performance, existem ainda várias curiosidades interessantes, que chamam a atenção quando o assunto é Debian. O próprio nome é a junção do nome do criador (Ian Murdock) e sua esposa, Debra. 

Apesar de interessantes, curiosidades assim não são o objetivo do artigo. Queremos te mostrar como funcionam os gerenciadores de janela e o gerenciamento de pacotes, que são grandes destaques desse sistema operacional. 

banner-lpic-1-1024x256 Debian Linux: características, vantagens e como instalar

Gerenciadores de janela

Os gerenciadores de janela controlam como cada janela será distribuída dentro do sistema e da interface gráfica presente nele. O objetivo é formar um desktop intuitivo e simples. 

No Debian, os gerenciadores de janela são famosos por sua flexibilidade. Tudo acontece através do projeto GNOME, que estrutura e integra os aplicativos. 

O layout e usabilidade são pontos importantes. Por isso, os principais ambientes de trabalho são KDE, Xfce e LXDE e MATE, que funciona como uma continuação do GNOME. 

Dentro deles, os gerenciadores de janelas mais comuns para Debian são Openbox,

FluxBox e Compiz, que são leves e simples de manusear. 

Gerenciamento de pacotes

Para gerenciar, ou seja, instalar, modificar, remover e configurar os aplicativos, gerenciadores de pacotes no Debian como o comando dpkg e Synaptic podem ser usados. 

Ao mesmo tempo, a mais comum é a ferramenta APT, conhecida como Advanced Packing Tool, que possibilita configurar os aplicativos e bibliotecas. 

Para acioná-lo, basta ativar o comando apt-get install <programa>. Assim, o aplicativo é baixado e configurado. É algo simples, capaz de facilitar a rotina dos usuários. 

Onde o Debian é mais utilizado?

debian-linux-servidores Debian Linux: características, vantagens e como instalar
Foto: Pexels | Debian Linux sendo utilizado em servidores.

O Debian é extremamente estável e, por isso, muito usado por desenvolvedores de software e programadores. Além deles, muitas bases de exércitos e núcleos de pesquisas ao redor do mundo utilizam este sistema. 

Diversas empresas, distribuídas em todo o globo, contam com o Debian como principal sistema operacional para seus computadores e dispositivos. 

No Brasil, são mais de 21 grandes empresas registradas com o uso do sistema, fora as que não são reconhecidas pela organização. 

Outro local muito comum do Debian é nos servidores. Por ser altamente estável e seguro, ele é perfeito para a gestão de tantas informações e dados desses locais. 

Debian ou Ubuntu: comparativo entre as distribuições

O Ubuntu é baseado em Debian, que é um sistema mais macro e robusto. A principal diferença entre ambos é que Debian é altamente personalizável, seguro e focado em alta performance. 

Ao passo que o Ubuntu é mais focado na fácil instalação e compatibilidade, além do bom gerenciamento de pacotes. 

Outro ponto é a questão da estabilidade e ciclo de lançamentos de aplicativos e recursos. No Debian, por ser super estável e sem nenhuma empresa com fins lucrativos, os lançamentos demoram mais para acontecer. 

Enquanto que com o Ubuntu, existem empresas com fins lucrativos que patrocinam e aceleram o fluxo de lançamentos e criações de novas versões para os usuários. 

Por que escolher o Debian?

Confira agora algumas vantagens enormes de usar o sistema Debian no seu dia a dia:

VantagensDesvantagens
É um software livre e gratuito, de código abertoAs atualizações demoram para chegar, devido aos processos internos de testes
Altamente estável e seguroAlguns hardwares talvez não sejam 100% compatíveis com o sistema devido à dificuldade de atualizações
Tem um grande suporte a hardware e instalador flexível
Apresenta uma grande comunidade de profissionais 
Custo nulo ou muito baixo de manutenção a longo prazo
É perfeito para servidores, que não precisam estar conectados à rede

Por que usar o Ubuntu

Usar o Ubuntu também pode apresentar diversas vantagens, conforme a sua realidade. A escolha entre as distribuições Linux deve ser feita conforme suas necessidades e expectativas. Confira a tabela comparativa do Ubuntu:

VantagensDesvantagens
É fácil de instalar e usar, além de ser gratuitoExige um hardware mais robusto para ser executado
É intuitivo e seguro, pronto para utilizaçãoO tempo de suporte de algumas versões é limitado entre 3 e 5 anos
Apresenta diversos programas úteis e necessários para o bom desempenho do sistema
Se mantém constantemente atualizado, com lançamentos mais rápidos do que o Debian

Passo a passo simplificado para instalação do Debian

debian-linux-como-instalar Debian Linux: características, vantagens e como instalar
Foto: Pexels | Debian Linux, como instalar e ativar. 

Instalação pelo CD ou DVD:

  1. primeiro, faça o backup de todos os arquivos que você já tem no computador, com a ajuda de um pendrive ou HD externo;
  2. busque pelo site oficial do Debian e baixe todos os arquivos necessários para fazer a instalação;
  3. baixe também a imagem de instalação do Debian e grave-a em um CD ou DVD, para ser executada posteriormente;
  4. reinicie seu computador com o CD dentro, a fim de inicializar com ele;
  5. utilize a versão “Debian Live”, que te permite navegar pelo sistema sem compromisso, para fins de teste, antes de instalá-lo de fato;
  6. por fim, instale o Debian conforme todos os passos mostrados.

Agora, a instalação pelo Flash Drive:

  1. faça todo o backup normalmente, como citado na lista acima;
  2. baixe o arquivo de imagem do Debian e instale-o em seu pendrive;
  3. reinicie o seu dispositivo com o pendrive conectado;
  4. com o computador reiniciado, acesse o BIOS e siga todas as instruções disponibilizadas ali;
  5. instale tudo conforme o assistente de instalação recomenda.

Viu só como é simples? Não é necessário ter um conhecimento aprofundado sobre programação ou qualquer outra disciplina do universo da informática. 

Apenas siga os passos e, se tiver alguma dúvida ou impedimento durante o processo, basta buscar ajuda nas comunidades online do Debian.

banner-lpic-3-1024x512 Debian Linux: características, vantagens e como instalar

Conclusão

Percebeu como o Debian Linux é algo que vale a pena investir? Neste artigo, você entendeu desde o que é o Debian, quais são seus principais diferenciais, vantagens e desvantagens, e também como instalá-lo para usar no dia a dia.

Se você gosta deste tipo de conteúdo, sobre o universo Linux, precisa conhecer os outros artigos disponibilizados no Blog Certificação Linux. 

Nele, compartilhamos apenas os melhores conhecimentos e dicas sobre gestão de processos no Linux, firewall pfSense, Systemd e muito mais!

Aprenda muito mais sobre Linux em nosso curso online. Matricule-se com trial de 7 dias grátis!