Comando ls no Linux (listar arquivos) [Guia Básico]

O comando ls é sem dúvida um dos mais utilizados. Ele serve basicamente para listar arquivos e conteúdo de diretórios.

Suas opções mais comuns são:

  • -a–all                  Mostre todos os arquivos, inclusive os arquivos escondidos que começam com “.”
  • -A–almost-all   Mostra quase todos os arquivos, menos as entradas “.” e “..”
  • -b, –escape          Mostra os arquivos com escape, para caracteres não gráficos
  • -c                           Mostra e ordena pela adata de modificação dos arquivos
  • -C                          Mostra por colunas
  • -d                          Mostra somente os diretórios
  • -1                          Mostra uma coluna somente com nomes dos arquivos
  • -h                          Mostra tamanho dos arquivos em formato humano
  • -l                           Mostra uma lista longa dos arquivos
  • -m                         Listas os arquivos separados por virgula
  • -S                          Ordena por tamanho
  • -R                          Lista os subdiretórios recursivamente
  • -x                          Lista em linhas ao invés de colunas
  • –color=auto      Diferencia os tipos de arquivos por cor

Exemplos:

$ ls -m /boot/*138*
/boot/config-4.14.138-114.102.amzn2.x86_64, /boot/initramfs-4.14.138-114.102.amzn2.x86_64.img, /boot/symvers-4.14.138-114.102.amzn2.x86_64.gz, /boot/System.map-4.14.138-114.102.amzn2.x86_64, /boot/vmlinuz-4.14.138-114.102.amzn2.x86_64
$ ls -Sl ~/
-rw-rw-r-- 1 ec2-user ec2-user 221427 dez  7  2018 mysqltuner.pl
-rw-rw-r-- 1 ec2-user ec2-user  35487 mai 21  2017 vfsync-2017-05-21.tar.gz
nota_pt Comando ls no Linux (listar arquivos) [Guia Básico]No Linux os arquivos que iniciam com “.” ficam ocultos, e só são mostrados com a opção -a do ls
O arquivo “.” é um apontador para o diretório corrente
O arquivo “..” é um apontador para o diretório acima (ou anterior)
Todos os diretórios possuem os arquivos “.” e “..”
Os nomes de arquivos e diretórios são sensíveis a letras maiúsculas e minúsculas

As seguintes opções do ls são muito úteis para os programadores:

Use a opção “-lt” para mostrar os arquivos por ordem de modificação:

$ ls -lt
-rw-r--r-- 1 ec2-user root 16172 mai  6 22:19 List.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root  6279 jan 20 13:47 SubForm.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root 21195 jan 20 13:30 CapForm.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root 16050 jan 20 13:30 CapList.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root  7937 jan 20 13:30 Form.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root 12598 jan 20 13:30 List.php

A opção “-lS” é útil para mostrar os arquivos por ordem de tamanho:

$ ls -lS
-rw-r--r-- 1 ec2-user root 21195 jan 20 13:30 CapForm.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root 16172 mai  6 22:19 List.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root 16050 jan 20 13:30 CapList.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root 12598 jan 20 13:30 List.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root  7937 jan 20 13:30 Form.php
-rw-r--r-- 1 ec2-user root  6279 jan 20 13:47 SubForm.php

O comando a seguir também é útil para fazer um inventário dos arquivos. Neste caso, os nomes dos arquivos são enviados para o editor de textos Vi:

$ ls -XR | vim -

Outro editor de texto pode ser usado, como o nano:

$ ls -XR | nano -

Aprenda muito mais sobre Linux em nosso curso online. Você pode efetuar a matrícula aqui. Se você já tem uma conta, ou quer criar uma, basta entrar ou criar seu usuário aqui.

Gostou? Compartilhe