Comando sed no Linux (editor de strings) [Guia Básico]

O comando sed no Linux é um poderoso editor de strings para filtrar ou editar sequências de texto.

As opções mais comuns são:

  • -e: Adiciona um script aos comandos a serem executados;
  • -f arquivo: Adiciona o conteúdo de um arquivo como script a ser executado;
  • -r: Usa expressões regulares no script.

Exemplos:

Para substituir expressões por outras, utilizamos o “s”, com os delimitadores “/”, de forma que a primeira ocorrência é o texto a ser procurado, e a segunda o texto que será substituído. Observe que o sed somente irá trocar a primeira ocorrência de cada linha, e é sensível a maiúsculas e minúsculas. A saída padrão do sed será o terminal.

$ cat arquivo
Hoje fará calor de noite. A Noite é bela.
$ sed s/noite/dia/ arquivo
Hoje fará calor de dia. A Noite é bela.

Aprenda muito mais sobre Linux em nosso curso online. Você pode efetuar a matrícula aqui. Se você já tem uma conta, ou quer criar uma, basta entrar ou criar seu usuário aqui.

Gostou? Compartilhe