fbpx

Tá certo. Você talvez esteja cansando do serviço de goleiro que passa todos os dias.

Afinal, não é fácil manter uma infraestrutura de TI funcionando 24×7 sem alguns percalços. Sem tomar um gol.

Manter o serviço de TI funcionando é como ser um goleiro. Você só é bom quando não toma gol.

E, na verdade, tem muita coisa para tomar gol quando não está preparado para ir para o ataque.

O difícil mesmo é passar pelo olhar do chefe com aquela cara de “agora isso, de novo?“. Se você trabalha com suporte de TI sabe do que estou falando.

Se você sentiu isso ou sente, esse post é para você. Eu quero que você se liberte e possa olhar as coisas de cima, pelo menos uma vez e quem sabe de vez em quando.

Mas… para isso você precisa ter algo que ninguém tem, ou pelo menos, poucos tem. Certamente estou a falar de uma certificação em Linux.

Tudo bem… você já pensou nisso algumas vezes, mas nada sério, ou que levasse você a pensar mesmo sobre o assunto.

  • Por que obter uma certificação em linux?
  • Em quais certificações devo investir?
  • Qual é a diferença entre os exames lpi e comptia?
  • Quais são as versões de prova?
  • Quais são os benefícios reais da certificação?
  • Onde fazer a prova?
  • Quanto custa?
  • Qual idioma?
  • Quantos pontos é preciso para passar?
  • Quanto tempo dura o Certificado ?
  • Qual material tenho que ter?
  • Existe uma técnica para estudar?
  • O mercado de Linux vale a pena?
  • E depois, o que posso fazer? Qual o caminho ?
  • Qual distribuição devo estudar?
  • Como é o processo para fazer a prova?
  • Quanto tempo preciso para estudar para as provas?
  • Quanto tempo tenho para fazer cada prova?
  • Preciso de curso superior para ser certificado?

Acompanhe nosso Blog para saber as respostas 🙂

Você tem outras dúvidas além destas? Deixe seu comentário! Pleeeease!

Aprenda muito mais sobre Linux em nosso curso online. Você pode fazer a matrícula aqui com trial de 7 dias grátis. Se você já tem uma conta, pode acessar aqui.

Gostou? Compartilhe 🙂

Guia Definitivo para Certificação Linux
Classificado como:                        

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: