Comando netcat no Linux (canivete suíço de rede) [Guia Básico]

O Comando netcat no Linux ou nc é um utilitário utilizado para fazer “quase tudo” quando se trata dos protocolos TCP e UDP. Ele pode ser usado para abrir conexões TCP, enviar pacotes UDP, escutar qualquer porta TCP ou UDP e escanear as portas abertas de um host.

Ele pode ser útil para servir de proxy simples de TCP, escrever scripts simples de HTTP cliente e servidores, testar processos servidores de rede (daemons) e muitas outras funções.

Veja alguns exemplos de uso do netcat:

Para se conectar em algum host:porta utilizando o netcat, você deve fornecer o endereço do host e a porta. É útil para ver se um determinado servidor está respondendo:

$ nc google.com 80
get ../..
HTTP/1.0 400 Bad Request
Content-Type: text/html; charset=UTF-8
Content-Length: 1419
Date: Tue, 14 Apr 2015 02:11:11 GMT
Server: GFE/2.0

Para utilizar o netcat como um processo que escuta em determinada porta e enviar o resultado para um arquivo. É útil para saber o que uma aplicação cliente está mandando para um determinado servidor:

$ nc –l –p 6565 > /tmp/arquivo.tmp

O netcat pode até mesmo ser utilizado para escutar em uma determinada porta e jogar o resultado no terminal:

$ nc -l -vv 4343

O netcat pode ser utilizado para saber quais portas estão abertas em um determinado host. É útil para verificar se um determinado serviço deveria ou não estar escutando na rede:

$  nc  -vv  -w1 google.com 20-443

Essa ferramenta pode tanto se comportar como uma aplicação servidora ou cliente, de modo a testar os serviços oferecidos por um determinado servidor ou cliente.

Aprenda muito mais sobre Linux em nosso curso online. Você pode efetuar a matrícula aqui. Se você já tem uma conta, ou quer criar uma, basta entrar ou criar seu usuário aqui.

Gostou? Compartilhe