Comando ln no Linux (cria links) [Guia Básico]

O comando ln no Linux pode ser usado para criar links simbólicos ou físicos.

As opções mais utilizadas para o comando ln são:

  • -s Cria um link simbólico. O padrão do comando ln são links fí­sicos.
  • -f Força a criação de um link mesmo que este já exista.

Os links simbólicos podem ser criados entre arquivos, ou entre diretórios, mesmo em discos e sistemas de arquivos diferentes.

Já os links físicos somente podem ser criados entre arquivos de um mesmo sistema de arquivos em um mesmo volume físico (disco).

Exemplos:

Observe o arquivo quintana, ele tem o contado de links físicos igual a 1:

$ ls -l
-rw-rw-r--. 1 uira uira 177 Set 18 15:09 quintana

Vamos criar o link físico entre arquivo quintana com o nome  poema:

$ ln quintana poema

Se observarmos com o ls -l, veremos que o contador de links físicos destes arquivos passou de 1 para 2.

A contagem de links é a maneira de saber se um arquivo tem um link físico.

$ ls -l
-rw-rw-r--. 2 uira uira 177 Set 18 15:09 poema
-rw-rw-r--. 2 uira uira 177 Set 18 15:09 quintana

Desta forma, é como se o mesmo conjunto de bytes no disco tivesse dois nomes, um chamado poema e outro chamado quintana. O conteúdo dos dois é o mesmo, e se alteramos o conteúdo de um, do outro também será alterado, já que o conjunto de bytes do arquivo é o mesmo. 

Observe que ambos os arquivos tem as mesmas permissões, mesmos proprietários, mesmo tamanho e mesma hora. 

Se o arquivo quintana for apagado, o arquivo poema permanece, e nenhum dado é perdido:

$ rm quintana 
$ ls -l
-rw-rw-r--. 1 uira uira 177 Set 18 15:09 poema

Vamos agora criar um link simbólico chamado poesia do arquivo poema: 

$ ln -s poema poesia
$ ls -l
-rw-rw-r--. 1 uira uira 177 Set 18 15:09 poema
lrwxrwxrwx. 1 uira uira   5 Set 18 15:20 poesia -> poema

Veja que o link simbólico cria um apontador para o arquivo original. Ele terá sempre as permissões “lrwxrwxrwx”, e seu tamanho será sempre pequeno (5 bytes).

A seta ” -> ” e o tipo de arquivo “l” indicam que o arquivo se trata de um link simbólico. 

Você pode editar e alterar o link simbólico como se estivesse alterando o próprio arquivo, sem problema algum. 

Se você apagar o arquivo original, o link ficará quebrado, e deixará de funcionar. Geralmente o sistema indica colorindo o arquivo original com fundo preto e o link fica piscando.

$ rm poema 
$ ls -l
lrwxrwxrwx. 1 uira uira 5 Set 18 15:20 poesia -> poema

Os links simbólicos ajudam muito a administração do sistema, uma vez que permitem que “atalhos” para os arquivos sejam criados sem a necessidade direta de se fazer cópias.

O uso de um link físico permite que vários nomes de arquivos sejam associados ao mesmo arquivo, visto que um link físico aponta para o inode de um determinado arquivo. É como realizar uma cópia, mas sem de fato duplicar o espaço em disco.

Aprenda muito mais sobre Linux em nosso curso online. Você pode efetuar a matrícula aqui. Se você já tem uma conta, ou quer criar uma, basta entrar ou criar seu usuário aqui.

Gostou? Compartilhe