Comando cat no Linux (concatena arquivos) [Guia Básico]

O comando cat no Linux concatena arquivos, imprime seu conteúdo de tela e ainda pode receber texto digitado pelo teclado para um arquivo.

As opções mais comuns do cat são:

  • -b    Numera as linhas que não estão em branco
  • -E    Mostra $ no final de cada linha
  • -n    Numera todas as linhas, inclusive em branco
  • -s    Elimina as linhas repetidas em branco
  • -T    Troca o código da tecla TAB por ^I 

Vejamos como criar um arquivo com apenas algumas linhas de texto: 

$ cat > teste.txt

Agora você pode digitar qualquer texto. Quando terminar, pressione Ctrl d em uma linha vazia para finalizar a entrada de dados e salvar o arquivo teste.txt. 

Para ver o conteúdo do arquivo recém-criado: 

$ cat teste.txt 

O cat também pode servir para concatenar arquivos.

$ cat texto1.txt > texto.txt

Observe que neste exemplo o conteúdo do arquivo texto.txt é substituído pelo texto1.txt.

Para adicionar o conteúdo do texto1.txt no final arquivo texto.txt o correto seria:

$ cat texto1.txt >> texto.txt

Mostra o conteúdo de um arquivo de código fonte com as linhas numeradas:

$ cat -n teste.c
     1 #include <stdio.h>
     2 int main()
     3 {
     4         printf("Certificação Linux!\n");
     5 };

Você que é profissional de TI, de suporte ou desenvolvedor, já pensou em aprender Linux de verdade?

Aprenda muito mais sobre Linux em nosso curso online. Você pode efetuar a matrícula aqui. Se você já tem uma conta, ou quer criar uma, basta entrar ou criar seu usuário aqui.

Gostou? Compartilhe